Atendimento Radiestesia

Radiestesia Clínica

       À primeira vista, a prática e os aparelhos utilizados na Radiestesia e Radiônica parecem – sejamos francos – uma parafernália. Isso claro, para quem nunca participou de uma aula, ou mesmo, não compartilhou de seu uso. A medida que compreendemos o seu uso, essa primeira impressão some, dando lugar a uma visão mais ampla, despertando em nós um interesse pela utilização da técnica; seja ela como profissional da área terapêutica ou mesmo como usuário. São técnicas que quando bem aplicadas, proporcionam um entendimento de nós mesmos e do mundo que nos cerca.

     A técnica radiestésica existe há milênios e utiliza-se de instrumentos simples, tais como: pêndulos, varas de metal, diagramas entre tantos outros, para detectar as mais diversas vibrações.

      Muitas das vibrações que nos cercam não são perceptíveis a olho nu, por isso não conseguimos percebe-las. O tempo todo, trocamos energia e informação com o ambiente que nos cerca, e isso pode tanto nos alimentar quanto envenenar.

      Vejamos: Você consegue ver as ondas eletromagnéticas e seu efeito sobre o organismo vivo? Perceber o efeito das radiações e radioatividade do solo, do cosmos, nos ambientes causando alterações na sua saúde? E o impacto do “olho gordo”, “mau olhado” ou inveja? Estes são apenas alguns exemplos de vibrações, entre tantas outras que nos afetam e podem prejudicar a nossa saúde, física, emocional e mental, causando desequilíbrios diversos.

      Apesar dessas energias estarem constantemente em sintonia com nosso corpo físico e energético, os nossos limitados sentidos não nos permitem percebe-las.

      Como estas energias são muito sutis, precisamos de ferramentas apropriadas que possam nos auxiliar neste diagnóstico. É aí que entra a Radiestesia e a Radiônica, pois ambas técnicas nos permite expandir o campo de percepção e atingir outras “dimensões”, não perceptíveis, encontrando assim, respostas para os mais variados desequilíbrios físicos ou energéticos, a fim de equilibra-los.

      Dentre os instrumentos mais utilizados na detecção e gerenciamento energético estão o pêndulo e a mesa radiônica, que com o auxílio da mente humana (radiestesista), tem imensurável potencial energético de diagnóstico e gerenciamento de desequilíbrios diversos.

Agende sua Sessão

WhatsApp chat